21 de julho de 2016

Facebook recebe R$ 40 milhões em verbas estatais e deleta páginas seletivamente

O Facebook Brasil está entre os sites que mais receberam verbas através de publicidade estatal diretamente do Governo Federal, os valores chegam a ultrapassar R$ 40 milhões ao ano. Infelizmente não há nenhuma ilegalidade nisso, já que a lei permite que o governo patrocine sites através de publicidade, como é o caso de Brasil 247, Diário do Centro do Mundo e também da rede social Facebook.

Só que há uma questão importante a ser levantada, ainda mais agora que a Justiça investiga justamente o financiamento de sites pelo governo petista: Qual a justificativa para que o Facebook delete seletivamente páginas que fazem, justamente, oposição ao PT e à esquerda?

Há uma coisa estranha que vem acontecendo há meses: Páginas de direita ou simplesmente contrárias à esquerda são deletadas sem razão aparente, muitas vezes sob a desculpa de que foram "denunciadas". De fato, algumas vezes elas são denunciadas em massa através de grupos de extrema-esquerda organizados. Contudo, qual é o sentido que isso só aconteça frequentemente com páginas que não são de esquerda?

Milhares de pessoas denunciam páginas todos os dias, mas em geral somente as páginas que não são de esquerda caem. Já houve relatos de pessoas que tiveram suas páginas deletadas sem que tenham de fato violando nenhum termo de uso do site, bem como o seu oposto também acontece corriqueiramente.

Diante disso, está rolando na internet uma petição online para a abertura de uma CPI que deverá averiguar essa possível relação. O projeto chama-se CPI da Mordaça no Facebook, e recomendo que você acesse e assine para dar força à ideia.